Análise teórica experimental de ligações tipo T, K e KT com perfis metálicos tubulares

Fazer Download...

Publicada em 28/08/2008

Discente: Francisco Canazart Mendes

Resumo:

Neste trabalho é apresentado um estudo de ligações soldadas do tipo “T”, “K” e “KT” com “gap”, formadas por perfis tubulares estruturais de aço sem costura, com seção transversal retangular no banzo e circular nos demais membros. Para este estudo foram desenvolvidas análise teórica e numérica dos nós das ligações, ensaios experimentais em protótipos em escala real, e ensaios de tensões residuais no perfil retangular do banzo. As análises teóricas foram realizadas a partir das prescrições de norma com a geometria das ligações do tipo “T”, “K” e “KT” definida a partir de sistema treliçado previamente avaliado e considerando a eficiência do mesmo. Os ensaios dos protótipos das ligações foram realizados no Laboratório de Estruturas “Prof. Altamiro Tibiriçá Dias” do Departamento de Engenharia Civil da Escola de Minas da Universidade Federal de Ouro Preto e visaram a obtenção do comportamento, carga última e modo de colapso da ligação. Foi realizado ensaios para determinação da distribuição de tensões residuais no tubo retangular conformado a frio a partir de circular laminado visando avaliar sua influência no comportamento das ligações. A análise numérica em elementos finitos envolveu a geração, análise e calibração, a partir dos resultados obtidos nos ensaios experimentais. O modelo foi constituído de forma que representasse o comportamento e a capacidade de carga das ligações ensaiadas experimentalmente. Os resultados experimentais indicaram que a relação entre as cargas experimentais e as de projeto, obtidas pelo Eurocode, para a ligação “T”, possui boa correlação sendo que o mesmo não foi verificado para ligações “K” e “KT”. Os resultados numéricos seguiram a mesma tendência, com bons resultados para a ligação “T” e o mesmo não ocorrendo para as ligações “K” e “KT”.

Áreas de Concentração:

- Mestrado: Construção Metálica

Orientadores:

- Arlene Maria Cunha Sarmanho

Banca Examinadora:

Voltar