ESTRUTURAS E CONSTRUÇÃO

O início das atividades de pós-graduação no Departamento de Engenharia Civil (Deciv) da Escola de Minas (EM) da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) se deu em 1982, com a criação do Curso de Especialização em Estruturas Metálicas (CEEM) - depois transformado em Curso de Especialização em Tecnologia para Uso do Aço (CETUA). A criação do CEEM, em 1982, foi decorrência da constatação de que o mercado de aço para a construção civil era inexpressivo em virtude do virtual desconhecimento da análise e dimensionamento de estruturas metálicas pelo engenheiro civil brasileiro. 

Embora, em 1991, a situação do CETUA fosse estável e o curso gozasse de prestígio nos meios profissionais, os seus objetivos e a sua organização não correspondiam mais ao desejo de verticalização que o corpo docente acalentava, sendo então proposta a criação de um Curso de Mestrado em Engenharia Civil, com ênfase em Estruturas Metálicas, aproveitando-se a experiência acumulada durante uma década.

Em agosto de 1992, o Deciv foi autorizado pelos conselhos superiores da UFOP a implantar o Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil (PROPEC), Curso de Mestrado, e com o apoio da USIMINAS.

A experiência adquirida após mais de 10 anos de existência do mestrado, e o amadurecimento do corpo docente, após mais de 100 dissertações defendidas, ensejou a continuação do processo de verticalização, culminando com a proposta de criação do Curso de Doutorado do PROPEC. Assim, em março de 2005, o Comitê Técnico Científico (CTC) da CAPES recomendou o Curso de Doutorado. 

Em 2017, face as mudanças acontecidas no corpo docente do programa, como as aposentadorias e contratações de novos professores, o nome da área de concentração foi alterado para Estruturas e Construção

Mais recentemente, em dezembro de 2020, o Copec (Colegiado do Programa) aprovou a criação de uma nova ára de concentração denominada Materiais e Construção. Portanto, a partir de 2021 o programa passará a contar com duas áres de concentração: 1. Estruturas; 2. Materiais e Construção.

Como justificativas para a criação desta nova área de concentração, merecem destaque: a elevada produção científica do grupo de Materiais e Construção; o aumento do número de professores da área; o forte envolvimento dos docentes do grupo no programa, com participação em diversas comissões; a aprovação de vários projetos do grupo no âmbito do CNPq, Fapemig, empresas, etc.; e o aumento recente do número de professores PQ/CNPq.

 

Proposta do PROGRAMA

A proposta de atuação do PROPEC é descrita em termos dos seguintes objetivos específicos: 
1. Criação e o desenvolvimento de um polo de pesquisa e desenvolvimento nas áreas de (1) Estruturas e (2) Materiais e Construção, servindo como base de sustentação para a crescente indústria regional e nacional; 
2. Fomento ao intercâmbio com instituições de ensino e de pesquisa, nacionais e estrangeiras; e 
3. Consolidação de um centro de referência da pós-graduação no Brasil.

 

Descrição Geral

Hoje em dia, apesar de conservar sua proposta original, o PROPEC atende a público-alvo bastante amplo, apresentando linhas de pesquisa de natureza multidisciplinar, como pode ser constatado pelos projetos de pesquisa junto aos órgãos de fomento ou pelas dissertações e teses defendidas.

 

Destinos Profissionais

Os egressos dos cursos do PROPEC têm se destacado nos mais diversos setores de atividade, principalmente na área acadêmica e nas principais empresas das áreas de estruturas, construção e consultoria.

 

Público Alvo

Os cursos do PROPEC são destinados a graduandos e pós-graduandos em Engenharia Civil, Mecânica, Arquitetura e áreas afins.

 

Equipe

Coordenador Geral: Prof. Marcílio Sousa da Rocha Freitas

Coordenador da Área de Concentração (Estruturas e Construção): Prof. Paulo Anderson Santana Rocha

Coordenador da Área de Concentração (Materiais e Construção): Prof. Ricardo André Fiorotti Peixoto

Secretária: Sílvia Nahas Ribeiro

E-mail: propec@ufop.edu.br



© 2021 | Desenvolvido por Masterix Sistemas